10 Motivos para parar de implicar com futebol.


1. Porque  homens adoram mulheres que gostam de futebol. Adoram ainda mais se elas realmente entendem do assunto. Logo, cê já começa fazendo diferença.

2.  Porque vencer é emocionante. 


3.  Porque sempre tem algum jogador bonito rs  Pernas saradas e coxas bem definidas, nunca irão faltar rs


4. Porque se você não pode vencer o inimigo, junte-se a ele.  

 5. Porque Futebol aproxima a família. Todo pai tem orgulho de levar seu filho num clássico. 

6. Porque se nenhum dos itens dessa lista te agradar, você ainda pode deixar de odiar o esporte sacando que os vinte e dois jogadores em campo promovem, quase toda semana, um tempo que é só pra você. Aproveite as horas sozinha e vá ao salão, shopping...não terá homem nenhum te chateando rs. 

7. Porque a copa é o melhor cardápio em variedade masculina existente. 

8. Porque nenhum lugar possui mais testosterona do que  estádios de futebol. Mulher que curte futebol é descolada e de quebra não passa o domingo sozinha.

9. Porque quando ganham ficam l-o-u-c-o-s, e machos, e lindos.

10. ...E por ganhar o sexo vitorioso de final de campeonato

Só para quem ama cinema: A vida e os filmes de Woody Allen.

 Com essa mania linda de fazer – aproximadamente – um filme por ano, Woody Allen não perde tempo, está sempre escrevendo e trabalhando um filme novo, porque diz que o tempo é muito curto e só pretende parar de filmar e escrever quando perceber que não consegue mais escutar, nem segurar um lápis e sua cabeça parar de funcionar. Tem horror à morte e acha que as pessoas não deveriam morrer. E sim, as pessoas e suas relações são o foco principal nos filmes de Woody. Não se preocupa com a recepção do público aos seus filmes e a nada que faça, mas foi nesse ritmo e indiferença, escrevendo e vivendo por amor ao que faz que Woody Allen tornou-se um dos diretores mais conhecidos e admirados no mundo.  Seus filmes tem um desenvolvimento perfeito e as histórias são incríveis. Trouxe alguns dos meus filmes preferidos para vocês.        

Match point (Ponto final)  Você não vai levantar do sofá, acredite. Um professor de Tênis, Chris, (Jonathan Rhys Meyers) começa a namorar com uma milionária Chloe (Emily Mortimer) e a vida começa a sorrir para ele com a nova possibilidade de ascenção social, mas ao mesmo tempo, Chris conhece Nola (Scarlett Johansson), noiva de seu futuro cunhado, e se vê admirado pela atriz. A química dos dois é incrível e a história, a princípio, cliché, certo? HAHAHA Por favor, vejam esse filme. Depois comentem aqui ou na fanpage o que acharam. Vocês mal podem esperar. Woody Allen, não morra nunca. 
                            
Midnight in Paris (Meia Noite em Paris) De uma forma única, Woody Allen transformou seu amor por Paris em uma história lindíssima. Gil (Owen Wilson) escreve roteiros para Hollywood  e é aparentemente bem sucedido, mas resolve se aventurar a escrever um romance que não consegue terminar. Em uma viagem à Paris com sua noiva, Gil descobre na madrugada da cidade, definitivamente, a magia do lugar e, quem sabe, sua nova inspiração para terminar o livro. Simplesmente, lindo.


Vicky Cristina Barcelona Duas amigas de férias em Barcelona. Vicky (Rebecca Hall) está terminando o seu mestrado e Cristina (Scarlett Johansson) escritora e atriz frustrada, resolve acompanhar a amiga na viagem e mudar os ares. Lá, encontram um pintor Juan Antonio (Javier Bardem) que resolve mostrar a pequena cidade de Oviedo para as duas.  Mais uma história incrível do Woddy lindo Allen. 
 

Annie Hall (Noivo Neurótico, Noiva Nervosa) Alvy, (Woddy Allen) um humorista que faz análise há anos, divorciado, conhece Annie, (Diane Keaton) uma cantora em início de carreira, muito complicada. Quando mal percebem, estão morando juntos, mas com o tempo as crises começam a aparecer. O filme se propõe a analisar os diferentes aspectos da vida conjugal. Lindo, lindo, lindo. Paixão.
 

Scoop (O grande furo) Essa deliciosa comédia, mais uma vez com a atriz Scarlett Johansson, dessa vez interpretando Sondra, uma estudante de jornalismo que está de passagem por Londres e, por acaso, encontra Sidney, um mágico, interpretado pelo próprio Woody Allen. Escolhendo Sondra, em um de seus shows, a coloca em uma caixa mágica. Inesperadamente, ela entra em contato com o espírito de um jornalista, que volta somente para dar um grande furo de reportagem para a moça sobre as pistas de um assassino. Vale muito a pena ver, de verdade.


Espero que vocês conheçam não só esses, como muitos outros filmes do Woody e que, assim como eu, se apaixonem por cada um de seus filmes.   
Beijos, 
 

blogger templates | Make Money Online