Sobre morar na filosofia

Um post cheio de ideais inúteis.


1. Pasmar.

"O bobo, por não se ocupar com ambições, tem tempo para ver, ouvir e tocar o mundo. O bobo é capaz de ficar sentado quase sem se mexer por duas horas. Se perguntado por que não faz alguma coisa, responde: "Estou fazendo. Estou pensando."

Hoje eu tava na frente do prédio pasmando, e alguém me perguntou porque estava sozinha. Sempre perguntam isso, nunca respondo. Acho que é necessidade. muito conflito interno pra apaziguar. Pensar me organiza.

2. Respirar.

Quando fico horrorosa tento cantar, me acalma. Pra cantar preciso respirar, e respirar me acalma. Parar pra respirar, ofegar. Gozar me faz respirar melhor. Correr me obriga a respirar. Viver.

3. Dançar. Dançar cotidianamente.

Sempre me aplaudiram por dançar, sempre curti. E daí fiquei gorda-feia-triste e com vergonha do circo. Mas, minha necessidade de corpo aumentava e comecei a dançar sozinha. Dançar pensando, dançar chorando, dançar sorrindo, dançando e gozando no escuro do quarto. Dançando pros meus próprios passos.

Dica: funcionou.

4. Falar:

Esvazia.
Esvaziar,
dar ar.
Abre espaço.

5. Transar.

Hoje minha concepção psíquica sobre sexo mudou. Eu estava de carona em um carro, fechei os olhos e imaginei a boca de alguém. E não era mais permissiva, eu não era permissiva, era atuante. Não era mais passiva, era ativa. Não era mais mulher, era homem. Eu comia. Minha imaginação tardia problemática não abria as pernas, metia. Passei o restante da tarde absurdamente atormentada, acho que muitas das mulheres que conheço nunca devoraram ninguém, foram sendo cotidianamente sabotadas e sequestradas, arrombadas mentalmente, fisicamente. Hoje não esperei que me beijassem, não cedi. Lá no sonho, troquei a chave e não era mais vontade, era poder. E poder assusta. E mulher assustada não come ninguém...

Sintam a vibe torta, ò só o perigo.

6. Viver.

Seilá,
Gastar tempo sentindo prazer?




- Playlist do Caetano.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

blogger templates | Make Money Online